Menu fechado

Câmara aprova Utilidade Pública para Casa Rainha da Paz

Projeto de lei que concede à Casa de Recuperação Rainha da Paz, o título de Utilidade Pública Municipal, foi aprovado por unanimidade dos vereadores. Autoria do projeto é da vereadora Maria Joaquina dos Santos.

Com o título de Utilidade Pública Municipal em mãos, a organização poderá requerer o título de utilidade pública estadual e firmar convênios públicos que ofereçam recursos para financiamento das suas atividades.

Criada no início 2013, a Casa Rainha da Paz é um espaço que abriga e auxilia homens em situação de dependência química.

Situada em Campos do Jordão e filiada à comunidade Nossa Senhora Achiropita-São Paulo, abriga em média 30 pessoas em um complexo de 12 casas além de área social, capela, refeitório, espaço de artesanato, horta comunitária e muito espaço verde.

Diante de tantos desafios, as drogas vêm fazendo parte da dura realidade não só de nossa cidade, mas de todo o país. Assim a casa acolhe dependentes químicos desejosos de uma nova oportunidade. O objetivo é integrar o dependente químico e seus familiares em um novo contexto social, educacional e familiar, visando sua reintegração através de acompanhamento e orientação psicológica, lazer, esporte, oficinas e espiritualidade. A adesão ao acolhimento se dá de forma voluntária, pois a conscientização do dependente é parte fundamental em sua recuperação.

Esta obra nasce e ganha forma graças à generosidade e trabalho de muitos benfeitores e amigos. No site www.achiropita.org.br/projetos-sociais/casa-rainha-da-paz estão disponíveis as informações para as pessoas que desejarem ajudar a instituição.

A Lei Municipal que atesta esta utilidade pública é a número 3966 de 13 de março de 2019.